Seg, 30/04/2018 | Atualizado em: 30/04/2018 às 05h00

Comer bem pra crescer

Catarina alcântara*
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, o número de crianças e adolescentes obesos aumentou 11 vezes em 40 anos. Por isso, os cuidados com a alimentação infantil - seja em casa ou na escola - são fundamentais para a saúde e bem-estar dos pequenos.

A parceria entre escola e família pode facilitar isso, tornando a alimentação saudável mais natural e até divertida. No Colégio Estadual Polivalente, no Cabula, por exemplo, oficinas e reuniões com os pais buscam aumentar a aceitação de alimentos diversos e ensinam a diminuir os desperdícios.

"O papel da escola vai muito além de ensinar. Algumas crianças só vão ter esta alimentação no dia. Os cardápios são elaborados por nutricionistas, com a quantidade de calorias e nutrientes que a criança pode e deve consumir", conta a diretora do colégio, Lucia Maria Santana.

A iniciativa integra um projeto que visa conscientizar os pequenos sobre sustentabilidade e hábitos saudáveis. Para tanto, está prevista a implantação de uma horta. "Os alunos irão plantar, cultivar e colher a maioria dos produtos que vão consumir, criando um elo forte com os alimentos", finaliza a educadora.

* Sob a supervisão da editora Ellen Alaver