Viver Bem

Sex, 27/04/2018 | Atualizado em: 27/04/2018 às 05h00


Viver Bem

Cada cor tem seus 'caprichos'

AMANDA SOUZA*
A+ A-

amanda.jesus@jornamassa.com.br

Por muito tempo, a estética da pele negra foi negligenciada. "Seja por questões étnicas ou socioeconômicas, essa população ouviu muitos 'nãos' para os tratamentos estéticos. Buscamos criar oportunidades para ela", diz Joice Viana, biomédica esteta e dona do Spa Ewá, novo espaço especializado em pele negra.

A iniciativa justifica-se pelas peculiaridades da tez escura. A dermatologista Luciana Azevedo explica que as peles negra e branca possuem características diferentes, por isso os cuidados devem seguir essa lógica. "A pele negra tem maior fator de proteção ao sol por causa da melanina, mas também tende a ter mais oleosidade, por exemplo. São características que exigem cuidados específicos", afirma.

Apesar das diferenças, toda pele merece ser bem cuidada. "Cada ser é único. Trabalhamos de forma personalizada para evitar problemas, já que é mais difícil revertê-los na pele negra", alerta Joice, referindo-se ao alto nível de colágeno nos negros, que facilita o aparecimento de quelóides. "O presença de mais melanina também pode acelerar o surgimento de manchas, pois durante a cicatrização a pigmentação é ativada", completa.

* Sob a supervisão da editora Ellen Alaver