Edição do dia
Sáb, 14/04/2018 | Atualizado em: 14/04/2018 às 05h00

Sumiço de delegado é mistério

Miriam Hermes
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

O carro que era dirigido pelo delegado titular de Barra da Estiva (a 544 km de Salvador), Marcos Torres, foi encontrado com um corpo carbonizado na manhã de ontem, numa estrada vicinal nas imediações do povoado Sussuarana, zona rural de Aracatu (a 568 km da capital).

A informação passada para a polícia é a de que ele foi visto pela última vez às 15h30 de quinta (12), quando saiu de Barra da Estiva com destino a Minas Gerais, sua terra natal.

Com mais de 20 anos de Polícia Civil, o delegado, que fez muitos amigos na instituição, previa fazer uma parada em Vitória da Conquista. Como não chegou no destino na tarde de quinta, colegas e prepostos da PM, começaram as buscas na região. A caminhonete Toyota Hilux que o delegado dirigia, e a motoneta (Biz) que levava na caçamba, foram queimados também.