Nas Ruas

Qui, 12/04/2018 | Atualizado em: 12/04/2018 às 05h00


Nas Ruas

Periperi Judô de graça para a galerinha do bairro

Jefferson Domingos
A+ A-

redacao@jornalmassa.com

Além dos benefícios para a saúde física e mental, o esporte tem um papel importante na luta pela inclusão social. Com a ascensão do MMA, as artes marciais, em especial o judô e o jiu-jítsu, passaram a chamar a atenção da galera nas comunidades. Pensando niso, foi criado há cerca de oito meses o projeto Judô Ação, que beneficia crianças e adolescentes do subúrbio ferroviário de Salvador. Localizado em Periperi, o projeto descobre talentos do esporte e ainda trabalha a disciplina, respeito e educação.

Ação começou com os professores do esporte Vinícius Silva, Tom Oliveira e Franquison Oliveira que, sempre quando iam para academia treinar, ouvia pedidos da gurizada que queria participar também. Inicialmente o projeto foi aberto para 15 crianças entre 4 e 13 anos, mas hoje a turma já conta com 50 participantes e ainda tem inscrições abertas. "As artes marciais tem um papel importante na formação do jovem. Inicialmente além de ir aplicando as técnicas, vamos ensinando disciplina. Cobramos também o boletim do aluno na escola", destacou o professor Franquison.

Enquanto a reportagem do MASSA! acompanhava o treino da turma mais nova, a dona de casa Elisa Alcântara levava o seu filho Henzo, de apenas 3 anos, para fazer a inscrição no projeto. "As artes marciais são importantes pela questão da educação", disse dona Elisa praticante do judô desde os seis anos. E como "filho de peixe", Henzo, em seu primeiro dia de aula, já desfilou toda sua vitalidade sobre o tatame.