Qui, 01/03/2018 | Atualizado em: 01/03/2018 às 05h00

Deu braga na Copa do Brasil

Jefferson domingos
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Em noite pouca inspirada, o Vitória foi derrotado pelo Bragantino por 1 a 0, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. O time baiano tentará reverter o placar no dia 15 desse mês, quando as equipes decidem, no Barradão, quem seguirá na luta pelo título da Copa do Brasil. Se o Leão vencer pela diferença de um gol, a decisão irá para os pênaltis. Domingo, o Rubro-Negro volta a campo contra o Jacobina, pelo Baianão.

O primeiro tempo do jogo de ontem foi equilibrado. Com maior posse de bola, o Vitória até controlou as ações, mas não conseguia finalizar.

Sem poder contar com Rhayner, lesionado, Mancini apostou na ofensividade de Bryan para formar a linha ofensiva com Yago, Neilton e Denilson. Porém, sentiu falta do antigo titular e sofreu com a inoperância criatividade da equipe. O Bragantino aproveitou a jogada de bola parada para encontrar as redes. Aos 38, Danilo Bueno cobrou falta para Matheus Peixoto, de cabeça, brocar.

Pouco produtivo, o Vitória viu o time da casa voltar para o segundo tempo mais ligado. Mancini, então, ousou. Ele colocou o André Lima na vaga de Ramon. E o centroavante quase marcou no rebote da falta cobrada por ele mesmo.

A situação do time baiano poderia ficar mais delicada aos 27, quando Uillian Correia tomou o segundo amarelo e foi expulso. No entanto, dois minutos depois, Ítalo levou vermelho por falta dura em André Lima, e os dois times ficaram com 10 . No último minuto do jogo, Yago também levou o segundo amarelo e foi expulso.