Sáb, 27/01/2018 | Atualizado em: 27/01/2018 às 05h00

Esquerda no enterro de líder do MST

Alexandre Santos
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Foi enterrado na manhã de ontem, em Vitória da Conquista (a 517 km de Salvador), o corpo do líder do MST Márcio Oliveira Matos, 33. O sepultamento ocorreu às 10h, no Cemitério Parque da Cidade. Ele foi executado a tiros na noite de quarta (24), na frente do filho de 6 anos, na casa onde moravam, na zona rural de Iramaia, na Chapada Diamantina. O crime foi cometido por homens que invadiram a casa da vítima pedindo dinheiro. O delegado Fabiano Aurich, titular da Coordenadoria Regional do Interior em Jequié (9ª Coorpin), disse que a investigação do caso está em andamento. Auricch descartou a hipótese de latrocínio, já que nada foi levado do imóvel de Márcio.