Edição do dia
Seg, 13/11/2017 | Atualizado em: 13/11/2017 às 05h00

Fórmula 1 Vettel fica bem perto de ser vice

Estadão Conteúdo
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Superado por Lewis Hamilton na briga pelo campeonato, o alemão Sebastian Vettel voltou a ter motivos para comemorar ontem. O piloto da Ferrari venceu o GP do Brasil, no Autódromo de Interlagos, após superar Valtteri Bottas na largada.

O finlandês da Mercedes chegou em segundo, à frente do compatriota Kimi Raikkonen, também da Ferrari. Felipe Massa, em sua despedida definitiva em São Paulo, foi o sétimo colocado.

O trio do pódio, contudo, foi ofuscado pelo mais novo tetracampeão da F-1. Hamilton largou dos boxes, chegou a liderar parte da prova e conseguiu finalizar a corrida em 4º lugar. Nas voltas finais, ameaçou o lugar de Raikkonen e esteve perto de terminar o GP brasileiro no pódio.

Além de Hamilton, Verstappen também brilhou. É do holandês da Red Bull o novo recorde do GP do Brasil de F-1 – anotou o tempo de 1min11s044, superando a marca então vigente, que pertencia a Juan Pablo Montoya. Em 2004, o colombiano registrou 1min11s473.

Com a quinta vitória na temporada, Vettel praticamente assegurou o vice-campeonato. Ele chegou aos 302 pontos, contra 280 de Bottas. Ou seja, garante a segunda colocação no Mundial de Pilotos se chegar em oitavo lugar na última corrida do ano, mesmo que o rival finlandês vença em Abu Dhabi.

A prova marcou a despedida definitiva de Felipe Massa como piloto da Fórmula 1 em Interlagos. Com boa performance ao longo de toda a prova, ele comemorou o sétimo lugar com uma bandeira verde no cockpit até ser recebido com aplausos e o reconhecimento da equipe nos boxes. O piloto da Williams conteve Alonso durante a maior parte da corrida e chegou na frente do bicampeão da McLaren. Pérez e Hülkenberg completaram o Top 10. A temporada 2017 será finalizada na próxima etapa, no dia 26, no Circuito de Yas Marina, em Abu Dhabi.