Edição do dia
Sex, 15/09/2017 | Atualizado em: 15/09/2017 às 05h00

Flechada! Janot denuncia Temer e Joesley

da redação
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou ao Supremo denúncia contra o presidente Temer, dois ministros, dois ex-ministros, dois ex-deputados, um empresário e um executivo. Segundo Janot, os políticos denunciados arrecadaram mais de R$ 587 milhões em propina.

O empresário Joesley Batista, um dos donos da JBS, e o executivo Ricardo Saud estão entre os denunciados, mas só pelo crime de obstrução de justiça. Eles perderam a imunidade obtida na delação porque Janot entendeu que houve descumprimento dos termos do acordo.

Segundo o procurador-geral, Temer e outros seis políticos do PMDB (veja lista abaixo) formaram um núcleo político para cometer crimes contra empresas e órgãos públicos.

Entre as ações que configuram obstrução de justiça, há referência ao 'pacto de silêncio' entre o doleiro Lúcio Funaro,apontado como operador do PMDB, e Joesley Batista para que eles não fechassem acordo de delação.