Edição do dia
Sáb, 05/08/2017 | Atualizado em: 05/08/2017 às 05h00

Tá brabo! Virose ataca Salvador

Felipe Santana*
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Com mais de 17.500 casos de janeiro a julho deste ano, o surto de diarreia tem preocupado os soteropolitanos. Amostras coletadas para confirmação dos casos estão sendo analisadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública Profº Gonçalo Moniz (Lacen-BA) para descoberta da causa do surto.

"Estamos com cinco amostras em investigação e, através desse processo, vamos saber o motivo do surto da doença diarreica aguda", diz a diretora de vigilância da Saúde do município, Geruza Moraes.

O surto foi abordado em uma coletiva de imprensa promovida pela Secretaria Municipal da Saúde, na tarde de ontem, no multicentro da Liberdade. Segundo Geruza, a suspeita é que o surto seja causado pelo rotavírus ou norovírus.

Nos últimos três meses, segundo dados da diretoria de vigilância de saúde do município, foram contabilizados 4.844 casos da doença, sendo que a média estabelecida é de 2.830 casos para o período. Os bairros mais atingidos são Cabula, Itapuã, Liberdade e Barra.

* Sob a supervisão da editora Meire Oliveira