Edição do dia
Qua, 17/05/2017 | Atualizado em: 17/05/2017 às 05h00

Leão da ilha vai pra cima! Sport busca superação

Rafael Tiago Nunes
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

O tempo na Ilha do Retiro está nublado, daqueles com possibilidade de tempestade e até direito a neblina e sustos durante a noite. Isso porque hoje, no primeiro jogo da final da Copa do Nordeste contra o Bahia, o Leão terá cinco desfalques: Rithely e Evandro, suspensos, Ronaldo Alves, Henríquez e Mena lesionados. Para piorar, o time pernambucano vem de um 'sapeca' vergonhoso na estreia da Série A: 4 a 0 da Ponte Preta.

Mesmo com tantos problemas e a má fase, o zagueiro e capitão Durval aproveita a volta do maestro Diego Souza – única boa notícia da semana, e que boa notícia – para cobrar os companheiros de time. "Começar essa decisão, que terá 180 minutos, vencendo é um grande passo. E, independente do placar, sem tomar gols", disse.

O xerife rubro-negro também não perdeu a oportunidade para alfinetar o Esquadrão. "São duas equipes de muita expressão nacional e, entre Bahia e Pernambuco, Pernambuco é melhor. Se Deus quiser, na quinta estaremos comemorando uma vitória".

Outro que também cobra uma mudança de postura do time é o paredão Magrão. "Mesmo com os números negativos (recentes), já mostramos em algumas partidas um bom futebol e isso nos dá esperança de acreditar e mostrar de novo que somos capazes de construir o resultado, fazer bons jogos e conquistar as vitórias", disse.