Edição do dia
Ter, 16/05/2017 | Atualizado em: 16/05/2017 às 05h00

Chateado Jorginho dispara contra o Vitória

Juliana Lisboa
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Demitido do cargo de assessor da diretoria de futebol, ontem, Jorginho Sampaio criticou a forma do seu desligamento do Vitória. E foi mais além: disse que a diretoria do clube está tomando decisões que classifica como "trapalhadas".

De acordo com Jorginho, a principal delas seria a efetivação de Dejan Petkovic como treinador do time principal, uma semana depois de ser anunciado como gerente de futebol do clube.

"Achei uma trapalhada essa decisão de colocar Pet como treinador. Uma coisa é ele chegar para ser gerente de futebol, mas ele assumir como treinador também, uma semana depois, é complicado. As coisas estão muito nebulosas, não há transparência", criticou, que reforçou: "Há uma confusão administrativa muito grande. Falta planejamento".

Além de Petkovic, o departamento de futebol conta com Sinval Vieira, diretor, e, até ontem, Jorginho.

Procurada, a assessoria de imprensa do Vitória disse que a demissão de Jorginho não tinha ligação com a chegada de Petkovic, e que se tratava de uma reformulação do departamento de futebol.