Edição do dia
Sex, 12/05/2017 | Atualizado em: 12/05/2017 às 05h00

Sujou... "Lula sabia tudo sobre caixa dois"

das agências
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

O ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), retirou o sigilo das delações premiadas do casal de marqueteiros João Santana, o Patinhas, e Mônica Moura. A dupla trabalhou nas campanhas de Lula, em 2006 e 2010, e de Dilma Rousseff, em 2014.

Segundo Santana, o ex-presidente tinha conhecimento dos pagamentos "por fora" feitos à empresa dele no exterior. O marqueteiro acrescentou que o ex-ministro Antonio Palocci sempre afirmava que as "decisões definitivas" dependiam da "palavra final do chefe".

A assessoria do Instituto Lula afirmou, por nota: "Não vamos comentar declarações de pessoas que buscam benefícios judiciais. Delações, pela legislação brasileira, não são provas". Já o advogado de Palocci, José Roberto Battochio, disse que "nessas 'delações à la carte', o cardápio que se apresenta para se oferecer liberdade é sempre o nome do ex-presidente e daquele que foi o principal ministro da Economia do País".

Publicidade