Edição do dia
Sex, 14/04/2017 | Atualizado em: 14/04/2017 às 05h00

Dupla que matou no buzu é presa

Da Redação
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

A Polícia Civil apresentou ontem Rodrigo Silva Santos, conhecido como Titio, 26 anos, e o sobrinho dele, Adenílson Raí dos Santos, o Ray, 22, apontados como responsáveis pelas mortes do policial militar da reserva Tayrone Carlos da Silva e do investigador Agnaldo Almeida.

Os dois foram mortos durante um assalto a ônibus, em agosto do ano passado, no km 608 da BR-324. Um passageiro identificado como Adson Reis Freitas Júnior também ficou ferido na ocasião. Segundo a polícia, Agnaldo foi agredido pelos assaltantes com golpes de faca e baleado duas vezes na cabeça. Já Tayrone, na tentativa de defender o policial civil, foi atingido com tiros em várias partes do corpo.

As armas dos policiais, um revólver calibre 38 e uma pistola ponto 380, foram roubadas pelos criminosos. Eles estavam com mandado de prisão temporária em aberto e foram localizados em Campinas (SP), no último dia 6, por equipes da Força-Tarefa da Secretaria da Segurança Pública, que investiga a morte de policiais. A dupla foi transferida anteontem a Salvador.