Edição do dia
Ter, 04/04/2017 | Atualizado em: 04/04/2017 às 05h00

Boas maneiras na hora da marmita

Débora Souza*
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Em tempo de crise financeira e na busca por uma alimentação saudável, a marmita é uma ótima saída! Exceto quando nos deparamos com a bagunça alheia ou quando algo 'some' da geladeira no trampo.

"Já vi uma pessoa pegando carne da marmita de outro. O gatuno acabou pagando um PF para o colega", conta Vinícius Cardoso, que trabalha numa empresa de call center.

Segundo Angela Pimentel, autora do livro "Um Convite à Etiqueta - Boas Maneiras na Prática", é possível evitar transtornos como esses compartilhando o bom senso. "As pessoas devem agir com respeito, levando em consideração que o ambiente de trabalho exige bom comportamento. Seu espaço termina quando começa o do outro", enfatiza.

A professora de boas maneiras ainda indica atitudes que colaboram para o bem estar de todos. "Não falar de boca cheia e retirar seus pertences após o fim da refeição são importantes para ter um momento agradável com os colegas", finaliza.

* Sob a supervisão da editora-coordenadora Ana Paula Ramos.