Edição do dia
Sex, 24/03/2017 | Atualizado em: 24/03/2017 às 05h00

Pacotaço Kannario cala o bico dos colegas

alexandre santos
compartilhe
Enviar para Amigo
INDIQUE A UM AMIGO

Para enviar para outro(s) amigo(s), separe os e-mails com “ , ” (vírgula). Ex.:nome@exemplo.com.br, nome@exemplo.com.br

Imprimir
Reportar erro

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas pelo MASSA preencha os dados abaixo e clique em "Enviar"

Aumentar fonte Diminuir fonte

Em meio ao bombardeio sofrido na Câmara Municipal por ter dito, no Carnaval, que o "crime organizado está lá dentro", o vereador-pagodeiro Igor Kannario (PHS) apresentou, de uma tacada só, seis projetos de lei que surpreenderam de forma positiva parte de seus colegas.

O pacote do Príncipe do Gueto inclui projetos que abrangem políticas públicas em favor da educação infantil e de inclusão social (leia abaixo). 

Além de ser avaliado na Câmara como uma espécie de mea-culpa depois da polêmica declaração na folia, o pacote traz para os holofotes a principal vitrine de campanha do pagodeiro: trabalhar pelo povo e superar as expectativas de quem acreditou nele.

Kannario não tem tido vida fácil na Câmara. Tem colega que não desgruda o olho do painel para saber se ele marcou presença. Embora a maioria dos vereadores ouvidos pela reportagem admitisse não estar a par da íntegra dos textos, os temas defendidos por Kannário, entretanto, agradaram alguns deles.

Publicidade